Inserir Notícia

Fluxo de Caixa

 

O fluxo de caixa é uma  ferramenta que controla a movimentação financeira da empresa, entradas e saídas de recursos financeiros, durante um período determinado. Ele facilita a gestão de uma empresa no sentido de saber com exatidão qual o valor a pagar com as obrigações assumidas, quais os valores a receber e qual será o saldo disponível naquele momento para realizar tais ações. A diferença entre os recebimentos e os pagamentos chama-se saldo.

 

Quando se analisa o fluxo de caixa e o saldo é negativo isso significa que a empresa tem gastos a mais. Neste caso, o gestor terá que rever os gastos para conseguir aumentar a entrada de dinheiro. Quando a análise mostra que o saldo é positivo isso indica que a empresa está conseguindo pagar as suas obrigações e ter disponibilidade financeira.

 

O Fluxo de Caixa é uma ferramenta que possibilita o registro de todas as transações financeiras de um negócio. Através dele as empresas podem acompanhar os pagamentos e recebimentos em curto, médio e longo prazo, além de estabelecer previsões. Em outras palavras, ele é um importante elemento de gestão financeira e de planejamento do dia-a-dia.

 

Elaborar um Fluxo de Caixa possibilita ao gestor conhecer a real situação do seu negócio ajudando-o a tomar medidas preventivas caso as informações representem problemas financeiros, evitando assim que bom andamento das atividades sejam comprometidas.

 

Listamos algumas razões para você conhecer melhor a importância de se ter um bom fluxo de caixa:

 

• Planejar e controlar as entradas e saídas de caixa num período de tempo determinado.

• Auxiliar o empresário a tomar decisões antecipadas sobre a falta ou sobra de dinheiro na empresa.

• Verificar se a empresa está trabalhando com aperto ou folga financeira no período avaliado.

• Verificar se os recursos financeiros são suficientes para tocar o negócio em determinado período ou se há necessidade de obtenção de capital de giro.

• Planejar melhores políticas de prazos de pagamentos e recebimentos.

• Avaliar a capacidade de pagamento antes de assumir compromissos.

• Avaliar se o recebimento das vendas é suficiente para cobrir os gastos assumidos e previstos no período considerado.

• Avaliar o melhor momento para efetuar as reposições de estoque em função dos prazos de pagamento e da disponibilidade de caixa.

• Avaliar o momento mais favorável para realizar promoções de vendas visando melhorar o caixa da empresa.

O gestor que conseguir melhorar a gestão do caixa de sua empresa reduzirá de modo considerável a necessidade de buscar dinheiro emprestado. Mantendo a saúde financeira da empresa, será mais fácil gerenciar possíveis crises e tomar decisões mais assertivas.

 



Link da Matéria Original:

Autor: BisaWeb

Data de Publicação: 23/04/2019

Esta notícia já foi visualizada 123 vezes.


Imprimir notícia       Enviar notícia por email
Seu nome
Seu e-mail
Nome do seu amigo
E-mail do seu amigo

Comentários



Deixe um comentário


Desejo receber notificações se alguém mais comenta a noticia.